Forks
Olá rpgista.

Se já for usuário, favor logar com sua conta.
Se é sua primeira vez no board, favor se registrar e fazer sua seleção.

Para saber o que está acontecendo na Forks, siga-nos no Twiiter:
http://twitter.com/RpgForks/

O grupo RPG Forks deseja a todos um bom jogo.

Atenciosamente,

A Administração.

RPG Forks,2009.



 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Será que você consegue sobreviver a esse mundo? Vampiros e Lobisomens vagam juntos pelos arredores de uma mesma cidade, como pode ser? Como duas raças tão diferentes e muitas vezes inimigas podem ficar tão juntas sem ter tantos confrontos? Talvez seja um inimigo em comum unindo os dois ou talvez alguém que pense pertençer aos dois lados?
Quem poderá dizer?
 
Data: 29/10/2010
Dia da Semana: Quinta-feira.
Tempo: Nublado, 20º C
Visibilidade: 75%
Lua: Minguante.
Acontecimentos: ; Preparativos para festa de Halloween; ações livres..
 
------------------------
Início: 10/10/09
Término: Sem data
 
 
 
 
As notícias da rádio The Mélusine em Breve!
 
Primeiro Artigo da The Mélusine
 
 
   
:Post:
Emmett Cullen
"Como se eu ligasse para a postura dela. Sai do corredor, sem ligar para o que ela havia falado."
 
:Casal:
Dimitry & Leah
 "Queria os braços protetores de Dimy ao meu redor, queria ouvir ele murmurando ao meu ouvido que me amava..."
 
Emmett & Rosalie
"Beijei como, talvez, nunca tivesse beijado em seus quase cem anos de vida. Envolvi ela em meus braços nus, apertando-a levemente."
 
:Feminino:
Rosalie Hale
"Acreditava que era somente pelo fato de estar sempre preocupada com outras coisas, sua mente estava sempre ocupada com textos, livros que foram lidos mais de uma vez..."
 
:Masculino:
Dimitry Wentworth
"Levantei a cabeça, angustiado, pensando que se minha irmã tivesse feito algo talvez Leah estivesse ali comigo."
 
 
 
Querendo firmar parceria com a Forks basta enviar uma MP com o link do seu fórum e button para Narrador ou ainda um e-mail para rpgforks@gmail.com. Colocaremos seu button aqui assim que o nosso for adicionado nas parcerias.
 
Fórum grátis
 
 
 
 
 
 
One More Kiss
 
 

Forks é uma idealização de Fer e Gih.
Layout do fórum feito por Teka, com imagens, em sua maioria, tiradas da busca do google.
Trama, descrições, histórias criadas por Dih, Fer e Gih. Qualquer uso do conteúdo ou nomes criados aqui, necessita de autorização dos mesmos.
Regras geras e conteúdo adulto cedido pela Admin's da Beauxbaton.
 
O conteúdo, foi baseado nas obras de Stephanie Meyer, Anne Rice e André Vianco, com adaptações para a trama e história do jogo.
 

Compartilhe | 
 

 Parque Nacional D'Olympic

Ir em baixo 
AutorMensagem
Narrador
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 233
Data de inscrição : 01/05/2009

MensagemAssunto: Parque Nacional D'Olympic   Sex Maio 29, 2009 7:29 pm



O Parque Nacional D'Olympic foi estabelecido como um parque em 1938. Suas milhas quadradas da preensão 1.400 dos limites do parque com os 876.00 reservados como a região selvagem formal, 95% de que é parkland. Se você for um destes milhões dos visitantes, quando permanecer no parque você poderá ver tudo do coastline natural às geleiras. O habitat prende e protege mais de 20 espécies do animal que são confortável em tipos diferindo de sistemas do eco e do parque podem acomodar confortavelmente todo.

Obs: Tópico exclusivo para post Teste de Vampiros Vegetarianos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgforks.forumeiros.com
Justin Malkiaver Smith
Vampiros Vegetarianos
Vampiros Vegetarianos
avatar

Mensagens : 2
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Parque Nacional D'Olympic   Qui Jul 16, 2009 11:40 pm


______________________Teste Seleçao_______________________

'{Narraçao}'
-Fala-
"Pensamento"
Hora
___________________________________
Parque 23:00

{Eu Tinha Meu Maior Heroi Morto E Ensanguentado Em Minhas maos, Nao A Coisa Pior que Perder A pessoa Que voce Mais Admira ou Ve-la Morrer Na sua frente... No meu caso Essas duas coisas Aconteceram.
Fiz A Ele um Velorio Digno , Para Pelomenos O dar Um Lugar Na hora Da morte... John Malkiaver A Pessoa Que Me transformou Noque Hoje Eu sou Um Vampiro, Que Nao Se Alimentaria de sangue humano Pois Issu era um das coisas que aprendeu e levaria para vida toda}

-AAAAAAAAAAAAAAAAAAAH-

{O Grito Caiu Como Uma Luva Para Mim Pois Eu precissava Desabafar um pouco, Fui Para Casa Em um passo lento Cheguei Em Casa E fui Direto Para o banho , A Mansao De John Malkiaver Era Muita mordomia para Mim uma Pessoa Normal E Humilde , Mas Uma coisa que eu Gostei Muito Foi o Som No Banheiro Era o meu maior Sonho De Banheiro , Coloquei a musica Yellow Do coldplay Só desse modo COnsegui Sorrir E Aprender Que A vida Continuaria Mesmo Se eu estivesse sozinho,Nao Poderia Me Matar...pelomenos Nao Da forma Tradicional. Sai do Banho e Fui Para O Parque.
Fiquei Ao meio da ponte Olhando A Agua cair o Vento Soprar E As Estrelas Brilharem no céu.. }

-Novamente Estou Sem caminho... Sem chao...Sem Rumo...Afundado Na escuridao Sempre Foi E sempre sera Assim A vida Sempre Será Má Comigo é Tao façil dizer issu o Difiçil é Colocar issu na minha cabeça dura -

{Subi A Uma Arvore Encostei-me Em Um Galho Alto E Confortavel , Depois De ver O Arrombamento Na Mansao De John Nunca Mas Conseguiria Ficar Relaxado naquela casa Ficaria Ali Apenas Para Tomar Banho Ou ver tv,Fechei Meus Olhos Por um momento me esqueci que era um vampiro E que nao poderia durmir nunca mas...Fiquei Ali deitado E Logo Fui Para Casa Ver Tv, No Meio Do Caminho Um Garoto Alto E boMbado Me Barrou Ficou Ali parado A minha frente Me olhando Com um Olhar de raiva O Peguei Pelo pescoço com odio nos olhos ,Perfurando sua carne com minhas unhas }


-Se voce fosse uma pessoa sensata Nao Entraria no Meu Caminho Mas Ja vi Que voce nao é! E mesmo Que fosse Voce Ja nao tem mais vida-




{Seu Olhar Ja Nao era De raiva E Sim De medo , Meu Odio Se transmitiu No Ar E Minha mao que Estava Prendendo Ele Jogou-o Para As arvores Levantando Uma Poeira tremenda , Estralei meus Dedos Me preparei para luta Pois Aquele garoto Nao Era Um Mero mortal Seu cheiro Era de Uma besta Eu Achei Que estava Errado mas Aquele Animal Demoniaco Pulou Para Cima de Mim Eu fiquei Pasmo pois Os lobisomens Se transformavam Rapido Eu os Odiava Tanto Que Seria Uma Honra Mata-los Todos Começando por Ele }

-Adeus Idiota-

{As Patas Da besta Foram Em minha direçao E Pegou Meu rosto Como Se fosse Uma ervilha Eu sorri ,Ele Podia Ser forte MaS Eu era forte E rapido O Meu Unico Defeito Era Minha Defesa Que nao me defendia , Peguei A pata Do lobisomen e A Torci Em 2 Antes que ele quebrace minha Cabeça ,Coloquei A para Dele Em Baixo De minhas Axilas Coloquei Meus Pes No pescoço Dele E fiz Força Para Arrancar Ele da cabeça , Com A Cabeça do animal na minha mao}


-Todo Ser Que busca Sangue Acaba Encontrando.. Voce Encontrou Seu proprio Fim..-

{Assim Joguei A cabeça E O Corpo da bestA Rio A baixo E Espero Que nao tenha que fazer Issu Denovo pois Descontei O Odio E a dor De perder John Toda Nesse Ser Inutil E fraco Depois De torcer O Braço Dele percebi Que ele nao tinha força para nada Nempara se defender com o outro braço.. issu é.. Um Animal Despreparado Em territorio Inimigo Fui Para Casa Ja estava A madrugada E Nao Tinha Porque Continuar Ali }

Parque 3:12 Am

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Oni
Moderador
Moderador
avatar

Mensagens : 59
Data de inscrição : 24/05/2009

MensagemAssunto: Re: Parque Nacional D'Olympic   Sex Jul 17, 2009 6:18 pm

Olá Sr. Smith,

Informamos que sua seleção foi aceita.
Seja Bem Vindo a Forks.

Oni.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Heloise Legrand
Vampiros Vegetarianos
Vampiros Vegetarianos
avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Parque Nacional D'Olympic   Dom Jul 19, 2009 4:16 pm

Mais uma vez tinha chegado o momento que eu tanto detestava, a sede ia apertando e eu definitivamente não conseguiria mais passar ao lado dos humanos sem que um deles acabasse seco no final... Nesses dias eu prefiro não sair de casa, apesar de sempre ter achado profundamente ridículo negar o que eu realmente sou bebendo o sangue desses animais imundos, os gritos da minha ultima vitima ainda estão na minha cabeça tão vivos como no dia que eu os ouvi.

Jon e eu saímos de casa no meio da madrugada sem que ninguém nos visse, é claro que se isso acontecesse não parecia anormal aos olhos humanos, mais preferia não cruzar com ninguém por enquanto... Ele segurava minha mão em sinal de apoio e eu caminhava olhando para baixo, sem encará-lo, às vezes me sentia uma criança dependendo dele assim. – Oliver nunca nos avisou que seria tão difícil não é?- Disse em tom de pesar ainda olhando para minhas botas e ele sorriu como se não se importasse de ser minha “babá”.

– Mais tem uma coisa que eu vou dar o braço a torcer, eu realmente adoro esse lugar! A caminhada da nossa casa até o parque era pequena, era necessário que morássemos por perto para qualquer emergência, logo, o enorme manto verde enchia nossas vistas com toda sua exuberância - Te vejo mais tarde! Nossas mãos se soltaram e eu entrei no parque... Caçar era algo que eu gostava de fazer sozinha.

Devagar me embrenhei no meio daquele lugar onde sempre podia ser o que eu realmente era... rápida, ágil e mortal! Nada de mudar minha natureza. A floresta tinha aquele ar de filme de terror a noite, com as arvores balançando com o vento e um barulho ao longe sempre perturbava os meus ouvidos, eu queria logo me alimentar e dar o fora para minha vida “normal”. Andei por entre a escuridão, onde todos ali deviam me temer... Todos os animais torcendo para não serem encontrados, mais o cheiro de sangue estava correndo em todo lugar, eu conseguia senti-los como um animal farejando a presa, eu era a maior predadora entre eles.

Uma lebre era muito pouco... Um veado talvez, e ele estava parado esperando pelo meu ataque sorrateiro, sem imaginar do terror que viria em seguida e enquanto ele aproveitava seus últimos segundos de vida eu fui em sua direção silenciosamente e antes que ele pudesse perceber... Um ataque, um movimento, uma morte e o fim da minha sede.

Eu me levantei deixando o corpo do animal caído no meio da relva, ainda havia um pouco de sangue e logo outros animais viram para dar fim nos restos, eu me sentia incrivelmente melhor embora nunca estivesse farta, não daquele tipo de sangue pelo menos... Eu corri de volta para onde meu irmão estava, provavelmente ele tinha me esperado na orla da floresta, um sentimento de infelicidade tomava conta de mim toda vez que ia a uma caçada, me sentia medíocre o suficiente para abandonar toda essa conversa mole de ser “vegetariana”, era totalmente desprezível essa coisa de autonegação, mais a verdade é que eu era fraca demais para matar pessoas.

Jon estava a minha espera quando me livrei de todas aquelas arvores, como sempre cuidando de mim... Ele se virou e encarou em meus olhos, e sem tocar no assunto me abraçou pelo pescoço. –Foi rápido! Disse tentando aliviar a tensão do momento, e seguimos de volta para casa sem trocar mais nenhuma palavra.

_________________

Heloise Legrand | 17 anos | Hipnose| Carro
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Parque Nacional D'Olympic   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Parque Nacional D'Olympic
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Forks :: Forks :: Procedimento de Seleção :: Vampiros :: Vampiros Vegetarianos-
Ir para: